Indústrias de confecção entregam 30 mil máscaras ao governo de MT

20/04/2020 - 10h46

As indústrias de confecção começaram a entregar uma encomenda de 30 mil máscaras de tecido de algodão feita pelo governo mato-grossense. As máscaras de proteção contra a transmissão do coronavírus são destinadas a população e aos servidores públicos que têm contato direto com o público, como a Polícia Militar e bombeiros.

Sete empresas associadas ao Sindicato das Indústrias de Confecção de Mato Grosso (Sinvest/MT) são responsáveis pela produção. De acordo com o presidente da entidade, Claudio Vilela, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) procurou o sindicato para solicitar as máscaras.

“Essa parceria entre o Sinvest/MT e o governo do Estado gera benefícios mútuos ao propiciar aos servidores a oportunidade de um trabalho seguro e para as empresas trabalho e renda em um momento crítico da economia”, explicou o presidente.

As máscaras de algodão terão camada dupla, evitando a penetração de microgotículas de saliva tanto de pessoas com infectadas quanto para as não infectadas. Essa barreira dificulta a transmissão do vírus causadora da doença covid-19.

Além da proteção, as máscaras são confortáveis, laváveis, mais baratas que as utilizadas pelos profissionais da saúde, não se deslocam facilmente no rosto e podem ser usadas dos dois lados. É o que explica a empresária Jordany Macedo.

“Levamos quatro dias para produzir 2 mil máscaras. O pedido do governo veio em boa hora. Pois estamos num momento de crise econômica. A minha indústria fabrica uniformes, muitos clientes cancelaram as encomendas e infelizmente tive de dispensar alguns funcionários. Com as máscaras, espero que o comércio volte à normalidade”, disse Jordany.

Vale destacar que as peças não se destinam aos servidores da saúde, que utilizarão um produto com uma proteção mais rigorosa. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou no começo deste mês, o uso de máscaras faciais de uso não profissional por todas as pessoas para evitar a transmissão do vírus SARS-CoV-2. Na publicação, a agência orienta sobre o material utilizado na fabricação do produto.

Acompanhe o Sistema Fiemt nas redes sociais:

Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá - MT / CEP 78049-940 | Fone: (65) 3611-1500 / 3611-1555